4 de julho de 2008

Two insights in one day!

Sentada no metrô de todas as manhãs, ouvindo música no meu pífio mp3, eu tive o primeiro insight do dia: percebi que o que eu mais gosto na vida é viajar, para longe e sem data marcada, ou marcada para bem longe no futuro. Me lembrei da vizinha que foi morar no interior e está feliz da vida e pensei que um dia também estava nessa fase. Mas hoje, por mais que eu ame viajar, quero mesmo é ficar na metrópole. Nada como um ar poluído, um trânsito, um burburinho de gente. As pessoas às vezes vêem de longe e acham que somos todos um exército de formigas cumprindo papéis automáticos, nos dispersando e nos encontrando como formigas tontas. Mas enquanto a cidade for o lugar mais propício ao contato com a tecnologia, informação, cultura etc, será aqui que eu encontrarei vida e estímulo para aprender, evoluir e contribuir para a evolução da sociedade.
Sentada na rodoviária Tietê no começo da tarde, comendo bolo de rolo vindo de Pernambuco, tive outro insight. O professor havia dito na palestra pela manhã que certas coisas podem ser melhoradas com algo muito simples: boas iniciativas. Nada muito laborioso, que exige horas infinitas de mão-de-obra, mas apenas boas idéias que possam ser postas em prática. Idéias-rompimento, idéias que vão contra o lugar comum. Isso se aplica a várias instâncias, seja política, planejamento urbano, gestão de informações, educação, mídia, jornalismo, quem sabe até num relacionamento. Temos que valorizar as boas iniciativas, ao invés de apenas reclamar do que inventam. Abrir a mente.

2 Comments:

At 7:59 PM, Anonymous pgalvez said...

Minha receita de uma vida ideal: uma bela chácara bem perto da cidade grande. É o que estou buscando.

 
At 4:02 PM, Blogger Larissa said...

pgalvez disse...
Minha receita de uma vida ideal: uma bela chácara bem perto da cidade grande. É o que estou buscando.
Eu: acho que essa é uma boa idéia!
boa sorte. se achar e gostar, escreva uma crônica sobre!

 

Postar um comentário

<< Home